terça-feira, 10 de novembro de 2009

Nada





Eu não sou feliz, é desnecessário dizê-lo. Não sou resignado. Absolutamente não tenho paz. Alterno entre a indolência e o cuidado. O centro da minha calma é a desesperança. Não aceitei o que me magoa, não quero olhar o que me feriria. Oculto aos outros, e mesmo tento ignorar a raposa que me corrói as entranhas. Tenho a atitude do estóico, mas dele não tenho o orgulho, nem o vigor. No fundo da minha aparente serenidade aninha-se a tristeza incurável. Estou calmo diante da destruição, mas trago a morte na alma porque sinto esta vida falhada, e nada espero em compensação. Nada, nada, nada! Nada.
Diário Íntimo . Amiel
Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje... 

10 comentários:

  1. Eu amo essa tristeza infinita gritada apenas pelos certos de sua própria limitações...

    só quem é triste reconhecerá algum momento, mesmo que pequeno, de satisfação...

    bj
    boa semana!

    ResponderExcluir
  2. Diante do que li, dizer o quê?
    Não consigo inventar palavras e me mostrar tão competente para interfirir em sentimentos. Qualquer coisa pode soar falso ou um refugo verbal ou de redação.
    Não sei...
    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Roubou as palavras dos meus dedos quem escreveu isso...

    Abs, querido Paulo!

    ResponderExcluir
  4. comassim?
    Vamos tomar tequila e fazer um upgrade

    ResponderExcluir
  5. Prezados amigos Jana, Guará, Mélker, Alan e Mauri ... esta passagem é da Obra Diário Íntimo . Henri Frederic Amiel ... uma hemorragia de sentimentos codificados em palavras ... eu, como a maioria das pessoas q se permitem pensar um pouco a vida, a existência, o SER, sempre se identificam com estes gritos de tristeza. Não que eu esteja no fundo do poço e em busca do fim, muito pelo contrário, pois é a partir desta consciência que encontrei a chama da vida, a força para SER, a consciência de mim mesmo e tudo o que se deve ser, ter, buscar, viver ...

    Fico extremamente feliz por ter conseguido, com esta maravilhosa reflexão, tocar um pouco a alma de voces, assim como ela tocou a minha ...

    enfim ...

    Bjux a todos ...

    ;-)

    ResponderExcluir
  6. Amigo, você é de uma extensão muito grande nas coisas que você publica. Isso faz com que tenhamos a satisfação de estarmos sempre por aqui, principalmente pelo valor imenso que você dá a recíprocidade.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Já providenciei a compra do livro no "Estante Virtual"!!!
    Tenho certeza que vou adorar...

    Valeu a dica...

    bjbjbj

    ResponderExcluir
  8. pois então Jana ... vais amar ... é fantástico ...

    bjux

    ;-)

    ResponderExcluir

então! obrigado pela visita e apareça mais, sempre teremos emoções para partilhar.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin