segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Ai de mim, aipim



Ai de mim, aipim.
ô inhame, a batata é uma puta barata.
deixa ela pro nabo nababo que baba de bobo.
transa uma com a cebola.
aquele hálito? que hábito! me faz chorar.
então procura uma cenoura.
coradinha, mas muito enrustida.
a abóbora tá aí mesmo.
como eu gosto de abóbora.
então namora uma.
falô. vou pegar meu gorrinho e sair poraí
pra procurar uma abóbora maneira
té mais, aimpim
té mais, inhame.

Chacal

Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

29 comentários:

  1. Querido amigo, adoro inhame, adoro aipim, adoro a sua maneira de escrever. Transformar coisas simples em um texto muito inteligente. Tenha uma linda semana. Beijocas

    ResponderExcluir
  2. que verssinho divertido , querido achei super criativo ..adoorei . bjs e obrigada por visitar o meu blog .

    ResponderExcluir
  3. Ai que beeshaa atrevida, foi embora assim? rsrs... nem sei viu hehehe...

    tirei uma fotinhaaa! ^^

    Bjuuuuu!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. muito bom
    deu vontade de tomar sopa com tanta coisa gostosa citada ai

    beijos

    ResponderExcluir
  5. hahahaha q papo cômico entre os legumes...
    Falô, vou sair por ae, mas não vou procurar nenhuma abóbora maneira, e nenhuma cenoura enrustida...rs
    Abçs

    ResponderExcluir
  6. Acho interessante o universo das palavras.
    Um grupo de palavras formam uma frase e um conjunto de frases forma um texto,crônica, ensaio ou mesmo uma redação.
    Além desta incrivel capacidade de unidos venceremos, uma palavra também tem o poder de destruir um coração ou criar um mundo melhor!
    Xará olha que legal!
    "Aquele que sabe não diz, e aquele que diz não sabe".
    Tenha um ótimo inicio de semana!

    ResponderExcluir
  7. Que legal!Palavras são poderosas e fortes...abraços,chica

    ResponderExcluir
  8. poesia numa manhã de segunda.
    adorei!

    ResponderExcluir
  9. Olá!!Bom Dia!!

    Belo post!!Uma boa maneira de começar a semana!!Vale até como dica culinária!!
    Gostei do seu blog!
    Se puderes visite o meu!Será bem vindo!
    vivian-floreselivros.blogspot.com
    Atenciosamente

    ResponderExcluir
  10. Poesia pura. Pura poesia! Hahaha! Hugz!

    ResponderExcluir
  11. ler isso na hora do almoço nao ornou...

    bjs do voy

    ResponderExcluir
  12. Quando crio um post, o faço com oq vem a mente, com palavras que vão saindo sem que haja muita censura...depois leio e corto os excessos.

    Mas sempre penso em algumas pessoas que irão comenta-lo...e por incrivelque pareça, por ainda fazer pouco tempo que visitamos o blog um do outro, espero o seu...rs rs rs..


    Admiro a personalidade de alguns, talvez seja isso...uma forma de dialogar com certas pessoas que sei que acrescentam.

    abração...e boa semana.

    ResponderExcluir
  13. Eita, mas que delícia de postagem sô.
    :)
    Aipim, ai de mim
    Inhame, me chame

    rsrs
    Beijos meu querido Paulo.
    Tenha uma deliciosa semana.

    ResponderExcluir
  14. Que dizer?
    Um post saboroso...!
    Beijokas, Paulo.

    ResponderExcluir
  15. Teve gentchy que já levou o texto pro lado sexual! Credo Bee's... contenham-se! kkkkkkkkkkk!!!

    ***

    umBeijo!

    ;-D

    ResponderExcluir
  16. Namora a abóbora...ui, que coisa!

    Rs

    Me divirto, Paulo!

    Beijo, beijo.

    ℓυηα

    ResponderExcluir
  17. A poesia da banca dos tuberculos la da feira!

    Beijos Paulo, boa semana

    ResponderExcluir
  18. Olá Paulo!!
    Adorei!! Divertido. Beijos e uma linda semana!

    ResponderExcluir
  19. Não consegui parar de rir com o comentário do Mauri. kkkkkkkkkkkkkk
    "Ai de mim, aipim".
    Adoro esse jogo de palavras.
    bjs

    ResponderExcluir
  20. na minha terra aipim é macaxeira.

    ResponderExcluir
  21. Melhor é que brinca com as palavra simples do dia a dia, formidável esse Chacal
    Abraço.

    ResponderExcluir
  22. agora eu entro toda hora para me ver no blog do Bratz.

    ResponderExcluir
  23. Ricardo Aguieiras6 de dez de 2010 20:43:00

    Bonitão,
    Chacal é o que há! Adoro ele1 E é belo, delicioso como inhame frito na frigideira da mama, onde se fritou bifes, antes....delícia!
    Beijos,
    Ricardo

    ResponderExcluir
  24. Inocente. Foi a primeira coisa que me veio à cabeça. Como os cd's da Adriana [Calcanhotto] Partimpim. Pude vê-la recitando isso...

    Mas... como bom nordestino (e nem sou dos bons mesmo hahaha) senti falta da macaxeira! :P

    Brincando...

    Xêro e muito obrigado pelas visitas e comentários no meu "espaço onde suas emoções e sentimentos fervilham" usando suas belas palavras... senti-me honrado =D

    Xêro!

    ResponderExcluir

então! obrigado pela visita e apareça mais, sempre teremos emoções para partilhar.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin