segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Eu estava sempre de partida!



Eu estava sempre de partida, sempre
prestes a levantar-me e a seguir, sempre
a caminho, sem saber para onde.
Para outro lugar. Aqui é que não.
Aqui nunca nada me bastava.

Teria de ser melhor lá, para onde
me dirigia. Sem saber como, nem porque.
A cúpula debaixo da qual me encolhia
seria erguida, e eu haveria de ser lançado
para dentro da minha verdadeira vida.

Nela encontraria os que estavam destinadom a encontrar.
Receber-me-iam em festa, com flautas e castanholas,
e seria levantado no ar. 
Que isto pudesse ser uma espécie de morte não me ocorreu. 
Só sei que alguma coisa me reteve, uma dúvida, uma dívida, um rosto que não pude
abandonar. 
Quando a porta se abriu, não entrei.

Jean Nordhaus.

ps: e assim continuo, sempre de partida, na eterna esperança de que, se a porta abrir novamente, eu entrarei.

Bratz Elian
enfim! é o que tem pra hoje ...

30 comentários:

  1. Bratz anda muito reflexivo...seria o inverno a causa disso? Onde está aquele humor refinado e as piadinhas sobre Elian? Espero que esteja bem meu caro amigo...abração e ótima semana...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Relaxe querido, está tudo bem sim ... a reflexão e o humor são duas faces de uma mesma pessoa. A cada instante uma se sobrepõe à outra ... só isto ... assim se configura o Bratz desde sempre ... rs

      Beijão

      Excluir
  2. Um dia a porta se abre pra todo mundo..eu espero q a minha ainda demore muitos anos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As portas se abrem e se fecham a todo instante Madi ... cabe a nós passarmos ou não ... há momentos em q não transponho mas, algumas vezes me arrependo de não tê-la transposto ... só isto ... mas fica sempre a esperança de que, um dia eu aprenda e tenha coragem para transpô-la sempre ...

      Beijão

      Excluir
  3. Depois que a porteira abre, quero ver fechar... Rs

    ResponderExcluir
  4. Acho que ando precisando dar umas partidas... muito estagnado ultimamente! (rs) Deve ser coisa da velhice, né!

    ResponderExcluir
  5. Olá, Boa noite,Bratz
    bela escolha...
    ... hesitação é um pilar mestre no mundo e entre partir e ficar hesita o dia, acaba a vida...que é composta por uma sucessão de escolhas...porém, quanto mais conscientes nos tornamos, melhores e mais acertadas serão as nossas escolhas...
    Obrigado pelo carinho,bela semana,abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero parar de hesitar ... o tempo está passando e ficando curto ...

      Excluir
  6. Paulinho, tudo bem?
    Menino, espero que demore e muito para abrir rs.
    Ah! Como não se apaixonar por Buenos Aires né?
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Sempre indo embora... Eu me sinto assim! E sem conseguir entrar na tal da porta... hahahaha

    ResponderExcluir
  8. Olá meu amigo, meu rei Bratz...outro dia joguei o I Ching preguntando a respeito de uma mudança necessária na minha vida, tipo mudar de cidade, e ele me respondeu com o hexagrama "A Retirada", mais uma vez meu milenar oráculo chines foi implacável em uma pergunta minha minha...retirar-se não é fugir, quando se retira se deixa respeito (se o semeou rs), amizades e saudade, quem foge normalmente não deixa isso.
    Oportuno poema para minhas reflexões, porque houve um tempo em minha vida que partir era a solução para qualquer problema - imaturo rs - mas entendo também como uma mente aberta, sempre disposta não só a partir mas conhecer mais, procurar, se autoconhecer também...boas palavras, ótimo poema .
    ps. Carinho respeito e abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. perfeita sua reflexão sobre o tema Jair ... retirar-se não é fugir, por ela deixamos respeito, amizades, saudades sim ... e no presente caso, o retirar-se ou mudar de conjuntura fará muito bem à alma ...

      Beijão

      Excluir
  9. Gostei bastante do texto, muito bem escrito. De alguma maneira me traduz em certos momentos.
    bjks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estes fragmentos sempre nos remetem a algo de nós mesmos ... bom para refletir ...

      Beijão

      Excluir
  10. Bratz:

    Ai amigo vamos deixar a portinha fechada, vamos?rsss

    Beijos meu querido sempre ótimo vir aqui.

    ResponderExcluir
  11. É claro que se a vida nos der oportunidade e encontrarmos a porta aberta, entraremos, e, caso a porta esteja fechada, bateremos e esperamos para ver se é aberta para nós.
    Reflexão e alimento para a alma, é como encaro o poema.
    Abraço

    ResponderExcluir
  12. eu queria também poder partir de vez em quando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Temos q estar atentos e prontos para transpor as portas qdo elas se nos aprensentam ... não é algo fácil mas sempre possível ...

      Excluir
  13. linda linda poesia! me trouxe sentimentos que , vou dizer, desconhecia em mim! obrigado por compartilhar! abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico felliz qdo algo aqui no blog propicia estes tipos de percepção ...

      Beijão

      Excluir
  14. Realmente vc vive de partidas...
    Eita vida boa...rs
    Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Caramba!
    Me identifiquei aqui... sem contar que o texto é muito lindo...

    ResponderExcluir

então! obrigado pela visita e apareça mais, sempre teremos emoções para partilhar.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin