quinta-feira, 24 de julho de 2014

Se é que você me entende!



“Sabe, eu me perguntava até que ponto você era aquilo que eu via em você ou apenas aquilo que eu queria ver em você, e se era assim, até quando eu conseguiria ver em você todas as coisas que me fascinavam e que no fundo, sempre no fundo, talvez nem fossem suas, mas minhas, e pensava que amar era só conseguir ver, e desamar era não mais conseguir ver, entende?"

Caio Fernando Abreu

Bratz Elian
enfim! é o que tem pra hoje ...

38 comentários:

  1. Entendo! Difícil é manter a vigilância pra não cair não cair nessa armadilha.

    Mas numa segunda leitura, a parte "... mas minhas" me soou narcisista, o que é um pouco deslocado da minha interpretação inicial, acima.

    Resta saber qual delas é o recado que cê quis dar... :-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Edu! Vc foi preciso em suas duas leituras. No caso específico, foi mesmo uma escrita com leve toque irônico e narcisista mesmo. Um recado para mim mesmo. Vc é "phodérrimo"!

      Excluir
  2. Gostei do comentário do Eduardo,fiquei pensando a mesma coisa, na hora pensei em Narciso..esse é um tema instigante,meu rei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Instigante por demais. Quem de nós não tem um pouco de Narciso né?

      Beijão ...

      Excluir
  3. Entender...uma grande evolução. Sempre bom te reencontrar. Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E coloca evolução nisto né Diu ... Q bom vê-la por aqui ...

      Beijão

      Excluir
  4. Respostas
    1. Principalmente vc e Batzlene q somos dessas ... temos obrigação de entender isto ... kkkkkkk

      Excluir
    2. Bratzleine passou a manhã toda pensando nisso e propõe um encontro para uma discussão cara a cara,resta saber se aqui nos pampas ou em Minas..vamos, Freduco?

      Excluir
    3. OMG! bora então o trio ... aqui, aí, campo neutro ... vamos pensar e refletir sobre Narciso ... eu topo ,,, rs

      Beijão

      Excluir
  5. Entender, eu acho que não entendo. Afinal, quem entende o amor?
    Dia desses, meu marido disse, após uma pequena discussão caseira: "Como pode existir uma pessoa como você, Ana? E pior ainda: como pode existir uma pessoa como eu, que amo uma pessoa como você?!"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entender o amor é algo quase impossível mas entender e compreender cada um de nós enquanto SER é fundamental ...

      Beijão

      Excluir
  6. Narcisista? Então somos todos, né! Ou amar não é enxergar no outro exatamente tudo o que queremos enxergar e que nem sempre é o que, de fato, está lá?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí está o problema né? O correto e desejável seria vê-lo tal e qual ele é ... mas quem de nós é capaz disto né?
      Então! Vamos q vamos!

      Beijão

      Excluir
  7. Dá pra entender sim, ô se dá !

    Abraço !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcos, quem vive uma relação duradoura tem q entender e profundamente isto né?

      Beijão

      Excluir
  8. Subjetiva = preguiça de escrever.
    :-p

    ResponderExcluir
  9. Respostas
    1. Sempre é bom reler coisas boas ... estou nesta vibe atualmente ...

      Excluir
  10. Tudo é uma questão de ponto de "VISTA"... Se é que me entende!
    Abraço

    ResponderExcluir
  11. Eu sempre vejo o melhor nas pessoas...até que elas mostrem oq realmente são. Sei lá, me veio isso a cabeça enquanto lia o texto...Abração Paulo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema está no q vemos ... não importa se o melhor ou o pior ...mas se o melhor ou pior são dela mesmo ou se são coisas q queremos ver ...

      Percebo mais por aí a questão ...

      Beijão

      Excluir
  12. Meu rei, meu querido amigo Bratz, sempre será uma bela lembrança para mim Caio Fernando Abreu...com ele aprendi a me dizer e desdizer ao mesmo tempo em que procuro, o que ? não sei. Ha´muito deixei de querer ver o que o outro tem a oferecer ou me mostrar mais que o que vejo...queirdo Brtaz, estou de volta, após uma perda muito querida, meu pai, mas...O Fael é tão querido né? eu já tou perdendo isso de ver o bom das pessoas, saio fora antes de ver o bom ou ruim (saio perdendo, mas me protejo) do que? não sei. Isso talvez me leve a solidão absoluta. Saudade sempre.
    ps. Meu carinho meu respeito e meu abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meus sentimentos meu caro! Todas as perdas são lastimáveis, umas mais que as outras mas todas lastimáveis, Só nos resta consolar-nos e seguir em frente. Qto a dar oportunidade aos outros, sou do tipo q gosta de sempre dar esta chance, independente dos riscos e de qualquer ameaça ou medo da solidão ...

      Beijão

      Excluir
  13. citar um dos melhores escritores para falar de amor já dá um upgrade em qq conversa conversa! eu concordo com ele, o amor, ou o fim dele, está no nosso olhar! com certeza o amor muda quando deixamso de ver oq ue queriamos ver!
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza meu caro ... Caio é um clássico neste campo ... amo!!!

      Excluir
  14. Nem sempre as pessoas são aquilo que vemos..rs... mistério...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Difícil mas entendível. Infelizmente, nem tudo é o que parece ser.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. entendo q a questão não é o ser ou não ser mas o q é e o q queremos q seja ...

      beijjão

      Excluir
  16. Ainda não conheço a obra de Caio Fernando, mas meu companheiro, hoje noivo, conhece bem os textos, livros, contos, historias e martírios desse autor. Lendo esse pequeno trecho, meu deu vontade de conhecer um pouco mais. Será que agora, depois de tanto tempo, vou conseguir entrar por esse campo tão minado, quanto a mente dele?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre é tempo para entrar em outros mundos, principalmente qdo eles valem a pena ...

      Excluir

então! obrigado pela visita e apareça mais, sempre teremos emoções para partilhar.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin