segunda-feira, 21 de maio de 2012

Baraka!







Uma tarde de domingo que se prenunciava como mais umas das muitas chatas tardes de domingo. Agora mais chatas ainda com as intermináveis transmissões de futebol. Ainda em meio a um dedo de proza com o AD via Docs [só este fato dá para dimensionar o nível de expectativa para o final do dia - rs], resolvi dar uma passada em BlogsVille e me deparo com a postagem do amigo Lucas do Blog Verdades Nuas. Um verdadeiro achado, pois estava uma dica preciosa. Um filme que vi fazem trocentos anos [na época, eu com meus 42 anos, finalizando minha graduação em Filosofia]. Naquela época eu me arrepiei com a recém lançada produção cinematográfica dirigida por Ron Fricke. Agora, empolgação total, afinal estava ali um link com a versão HD deste filme disponibilizada na íntegra pelo YouTube. Não sabia como iria rever isto agora aos 61 anos. O domingo já estava uma merda mesmo, portanto nada a perder ou piorar, se bem que podia. De qualquer forma resolvi arriscar.
Simplesmente aproveitei a tarde fria e cinzenta, me enrolei em um edredom, apaguei as luzes, fechei a porta, acomodei na poltrona e me entreguei a este êxtase. A telona fez falta, mas o que importava isto no momento?
Revi!
Emoções outras, já que se tratava agora de uma alma mais vivida, mais experienciada, sei lá como definir, mas fortes, muito fortes. Inebriantes, pungentes, divinas, mas também dolorosas. Fragmentos da vida e da história confrontando toda a grandiosidade da natureza e as possibilidades do homem e sua cultura.
A fotografia é esplendorosa, o som acolhedor, sem diálogos, apenas recortes da natureza em exuberância, fragmentos históricos, a cultura humana em toda a sua diversidade traduzindo toda a sua miséria.
Não há linearidade na obra, tudo esparso e aleatório, cabe a cada um estabelecer as ligações pertinentes entre o o que se ouve e o que se vê. Mas o que fica no final? O TUDO e o NADA! O esplendor da vida que se origina do nada e que se coloca em dimensões de infinitude enquanto é permeada pela pequenez do homem e sua cultura, em sua eterna busca de quem é incapaz de compreender a vida e compreender a si próprio.
Definitivamente fantástico!

Detalhes técnicos interessantes sobre a recuperação deste filme [chupado do post do Lucas]:

“Ele foi filmado em 70mm Tood A-O (um formato que ficou no ostracismo e foi usado há muitas décadas em filmes como The Sound of Music e Patton)... cada quadro do negativo original foi escaneado em 8K, ou seja, em 8.192 pixels. Para se ter uma ideia do que é isso, o arquivo digital final contendo o filme tinha 30 terabytes! Se comparamos com a capacidade máxima de um Blu-Ray, 50 gigabytes até assusta. Se compararmos com os míseros 4,7 gigabytes do DVD então... A partir desse arquivo gigantesco, extraiu-se o filme em HD.” 

Interessado em ver? Pode ser assistido no YouTube. O link está aí em baixo.





Bratz Elian
enfim! é o que tem pra hoje...

46 comentários:

  1. Vou fingir que relacionar AD e o desejo do fim do dia foi um elogio.

    Não é mais Docs, é Drive.

    E esse post foi um copia e cola do que o senhor escreveu lá. A intimidade se foi, viva o coletivo, rsrs.

    Deixei minha impressão sobre Baraka por lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas com toda certeza q teve o cunho de elogio querido ... sempre é um prazer quase orgástico ter o AD próximo e na intimidade ... rs

      Sim, o post foi um control C e V do do Docs, seguindo uma dica ADniana em outro assunto outro dia, só q o naquele momento o assunto já estava batido em outras postagens e a minha seria apenas mais uma ... No presente caso, apesar da postagem do Lucas ser a original, proporcionou ao Bratz traçar algumas divagações, pertinentes ou não, não importa ... mas divagações ... rs

      Não seja ciumento e não exija exclusividade do Bratz ... rs ... vc tem os seus momentos de intimidade mas os demais tb, por vezes também terão este privilégio ... rs

      Excluir
    2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Paulo Roberto, fica na tua!

      Excluir
  2. Boadica.... Bratz

    Vou driblar minha segundona "tela caliente".. rss assistindo BARAKA..!
    Desde que não seja Baraka Obama... hehehe

    Abraços
    Tatto

    ResponderExcluir
  3. Baraka é phoda! Impossível ficar imune àquelas imagens. E aquela banda que vc gostou Dead Cand Dance, também está nessa trilha sonora. The Host of Seraphim é uma das músicas mais bonitas do mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito boa observação Wans ... oportuna e pertinente ... The Host Seraphin está lá ... belíssima ...

      Excluir
  4. Interessante! Já favoritei para ver num outro dia.
    Daqui há pouco, verei o Fantástico. Tb quero ver a entrevista da Xuxa. kkkkk.
    Beijos, gaton.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. KKKKKKKKKKKKK ... só vc mesmo ... por favor, depois q vc assistir a entrevista, por favor, disponibiliza para nós lá no Intercine ...

      Excluir
  5. nunca assisti, agora vou ter q ver.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e com certeza vai gostar e muito Foxx! só um detalhe ... assista qdo estiver preparado ou vc não passará dos 5 minutos iniciais ...

      Excluir
  6. Estar preparado significa se enrolar em um edredom, apagar as luzes, fechar a porta, se acomodar na poltrona e se entregar? Então, só dá pra ver no domingão mesmo, rs.
    Mas é ótimo saber q está no YouTube, né? Fiquei muito curioso.
    Obrigado, Bratz. Boa segundona pra vc e o Elian.

    ResponderExcluir
  7. Mais um filme que promete! obrigado pela partilha! ^^

    ResponderExcluir
  8. Onde até a feiúra humana se torna contemplativa!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim querido extremamente contemplativa pois se reveste de um lirismo esplêndido ...

      Excluir
  9. É lindo mesmo! É bem o que você disse, o Nada e o Tudo. Talvez seja esse estranhamento que faz do homem esse animal tão grandioso e mesquinho ao mesmo tempo. Obrigado por citar meu blog. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Citar foi obrigação querido ... um presente deste tem q ser reverenciado ... bjão

      Excluir
    2. Eu já fiz o download. Esse filme é daqueles pra assistir com calma. As cenas que eu vi no Lucas foram um aperitivo do que deve ser todo o filme.

      Beijos aos dois!

      Excluir
  10. Um daqueles filmes que todos temos que ver, certo?
    E agora com seu post mais ainda!

    Beijos, queridão

    ResponderExcluir
  11. As poucas imagens que assite são lindas mesmo... A tranquilidade do macaquinho do começo, quase me fez dormir aqui no escritório...

    Boa semana querido

    ResponderExcluir
  12. Bratz:

    Assim depois desta descrição toda do filme, preciso assistí-lo. Linda semana meu queridon. Abraços.

    ResponderExcluir
  13. Querido amigo, as imagens são absolutamente lindas, tudo o que eu gosto, com certeza vou assistir. Tenha uma linda semana. Beijocas

    ResponderExcluir
  14. Pois eu também não assistir, então vou aproveitar o link dispensado e vamos as imagens.
    Abraço

    ResponderExcluir
  15. mexe & vira, redescobrimos filmes, aqui em casa mesmo, coisas que temos e que não (re)víamos há muito e quando o fazemos (re)descobrimos coisas e sensações.

    acho que filmes, todos se possível ou aqueles quer você tem mais chegados devem ser revistos periodicamente pois o tempo nos dá um outro olhar sobre a obra, a experiência acumulada, aprendida, nos faz ver com mais olhos algumas coisas e com menos outras...

    ResponderExcluir
  16. Obrigado pela oportunidade que deu aos meus olhos, Bratz, parabéns pelo post.

    ResponderExcluir
  17. Querido amigo, neste dia do abraço, vim dar um longo e afetuoso abraço em você e no Elian.

    ResponderExcluir
  18. Como a minha internet é mais lenta que uma carroça de rodas quadradas, eu verei no meu trabalho, já que o youtube e alguns outros sites foram desbloqueados por lá rs


    Abraço do Verônico.

    ResponderExcluir
  19. Até que enfim uma sugestão ao meu alcance. todos os filmes que me interesso, indicados nos blogs, NUNCA acho na minha cidade. vou assistir agora se não der tempo, termino depois tenho ainda uma hora de almoço... Depois digo o que achei.

    ResponderExcluir
  20. Vou pegar e ver em um momento mais tranquilo :)

    ResponderExcluir

então! obrigado pela visita e apareça mais, sempre teremos emoções para partilhar.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin