quarta-feira, 31 de março de 2010

Moral da Manga


O velho caipira, com cara de amigo, que encontrei num Banco, estava esperando para ser atendido. Ele ia abrir uma conta. Começo de um novo ano ... novas perspectivas ... e, como não podia deixar de ser, também começou ali um daqueles papos de fila de banco. Contas, décimo terceiro que desapareceu, problemas do Brasil, tsunami... Será que vai chover?
Mas em determinado momento a conversa tomou um rumo: "- Qual é então o maior problema do Brasil para ser resolvido? "E aí o representante rural, nosso querido "Mazaropi da modernidade" falou com um tom sério demais para aquele dia:
" O Maior Problema do Brasil é que sobra muita manga!"
Tentei entender a teoria...Fez-se um silêncio e ele continuou: " - O senhor já viu como sobra manga hoje debaixo das árvores? Já percebeu como se desperdiça manga? "Sim... Creio que todos já percebemos isto... Onde tem pé de manga, tem sobrado manga...E aí ele continuou:
" - Num país onde mendigo passa fome ao lado de um pé de manga... Isso é um absurdo! Num país que sobra manga tem pouca criança. Se tiver pouca criança as casas são vazias... Ou as crianças que tem já foram educadas para acreditar que só "ice cream" e jujuba são sobremesas gostosas. Boa é criança que come manga e deixa escorrer o caldo na roupa... É sinal que a mãe vai lavar, vai dar bronca, vai se preocupar com o filho. Se for filho tem pai...
Se tiver pai e manga de sobremesa é por que a família é pobre... Se for pobre, o pai tem que ser trabalhador... Se for trabalhador tem que ser honesto... Se for honesto, sabe conversar... Se souber conversar, os filhos vão compreender que refeição feliz tem manga que é comida de criança pobre e que brinca e sobe em árvore... Se subir em árvore, é por que tem passarinho que canta e espaço para a árvore crescer e para fazer sombra... Se tiver sombra tem um banco de madeira para o pai chegar do trabalho e descansar...
Quem descansa no banco, depois do trabalho, embaixo da árvore, na sombra, comendo manga é por que toca viola... E com certeza tá com o pé na grama... Quem pisa no chão e toca música tem casa feliz... Quem é feliz e canta com o violeiro, sabe rezar... Quem sabe rezar sabe amar... Quem ama, se dedica... Quem se dedica, ama, reza, canta e come manga, tem coração simples... Quem tem coração assim, louva a Deus.
Quem louva a Deus, não tem medo... Nada faltará porque tem fé... Se tiver fé em Deus, vê na manga a providência divina... Come a manga, faz doce, faz suco e não deixa a manga sobrar... Se não sobra manga, tá todo mundo ocupado, de barriga cheia e feliz. Quem tá feliz.... não reclama da vida em fila do banco... "

Daí fez-se um silêncio...
Rubem Alves 

Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

terça-feira, 30 de março de 2010

Pra ser gay assumido é preciso ser muito macho!


Navegando pela net encontramos preciosidades. Este é um autêntico exemplo disto. Tânia Meneghelli, do Blog  De Tudo Fica um Pouco, que se define como “uma jornalista quarentona, casada, mãe de  um filho tão esquisito quanto ela, atuante na área de assessoria de imprensa e, paralelamente, também trabalha com ilustrações vetoriais”, postou esta jóia rara que compartilho com os amigos .
A qualidade que mais admiro no ser humano, sem a menor sombra de dúvida, é a coragem. Porque aos olhos dos outros a gente pode ser tudo nessa vida  - inteligente, bonito, bom caráter, bem sucedido ou qualquer outra coisa superbacaninha - mas sem culhão pra se impor de verdade, pra se assumir como se é sem máscara, pra encarar o que vier, simplesmente não se é nada.



Pra tudo a gente precisa de coragem. Seja na hora de enfrentar uma doença, conviver com a morte ou até mesmo (e principalmente) expondo fragilidades, não há solução possível se a gente não encarar o bicho. É por isso que, mesmo considerando discussões sobre sexualidade já ultrapassadas, acredito que ser gay é coisa de homem com "H". Seguir padrões convencionais é moleza. Se valer de um pênis que se encaixa só onde dizem que a natureza determina também. A fórmula já está pronta, basta apenas seguir o fluxo considerado "normal" pela sociedade e se colocar na cômoda posição de homem acima de qualquer suspeita. Mas quando a vida coloca o sujeito na contramão da convencionalidade é que são elas. É complicado ser diferente e conseguir o respeito que se merece sob qualquer circunstância. Isso exige uma determinação fora do comum. Recentemente esse debate ficou bem acirrado, quando o general Raymundo Nonato de Cerqueira Filho, indicado para ocupar a vaga de ministro do Superior Tribunal Militar, afirmou que soldados não obedecem a comandantes homossexuais. Segundo ele, as atividades desempenhadas nas Forças Armadas não são adequadas aos gays e estes devem seguir outros ramos de atuação. O general é do tipo que acredita que gay seja capaz apenas de ser cabeleireiro, maquiador ou qualquer outra atividade mais "feminina", digamos assim. Aí eu fico aqui só pensando o que é que o taco tem a ver com a caçapa. O homem não apenas desqualificou os gays, como também reduziu a praticamente zero a participação das mulheres na carreira militar. Tão equivocado quanto, foi o outro  - o almirante Luiz Pinto (ui!), que na tentativa de ser mais flexível, afirmou não ver nenhum problema no ingresso (ou permanência) de homossexuais nas atividades militares, desde que "mantenham a dignidade", uma coisinha na base da atual legislação norte-americana, que prega o tal "Don't ask, don't tell", proibindo que soldados gays e lésbicas assumam sua orientação sexual, bem como que sejam questionados sobre isso. Segundo o almirante, a "opção" sexual de cada um, desde que preservada, em nada interfere no bom desempenho das funções militares. Me espanta ver um montão de gente que se considera livre de preconceitos pensando dessa maneira. Caramba, mas desde quando alguém pode "optar" por uma coisa dessas? Quem é que acorda num belo dia e escolhe ser hétero ou homossexual? Oras, a única escolha possível para os gays é sair ou não do armário. É exercer o justo direito de viver conforme sua essência ou de acordo com o que os outros esperam. É pagar o preço altíssimo de expor francamente suas preferências  - como qualquer ser humano deveria ter a liberdade de fazer -  ou se calar e fingir, sufocando dentro de si todos os seus desejos. Quantos não são os homens casados, que têm até filhos, mas mantêm namorados escondidos ou saem à caça de transinhas furtivas com travestis? Convivo com gays que são pessoas extraordinárias. Cultos, bem sucedidos, profissionais competentíssimos nas mais diversas áreas. Gente que sabe muito bem separar a vida sexual de todo o resto, como qualquer um deveria fazer. Em absolutamente nada me interessa o que fazem entre quatro paredes, cada um que se resolva nessa questão. Já faço muito se der conta da minha própria sexualidade. O que me importa, de fato, é que são pessoas cujas companhias me fazem um bem danado e que me acrescentam muito, no mínimo um papo genial, com tiradas divertidíssimas. Aliás, pode reparar, em geral os gays têm uma sagacidade muito acima da média, dizem coisas pra lá de marcantes. Quando assumidos publicamente, então, têm toda minha admiração pela coragem. Ontem, por exemplo, fiquei encantada com a atitude de um atleta que vi na final da patinação artística masculina das Olimpíadas de Vancouver. Mesmo depois de ter sido alvo da maledicência de comentaristas da TV australiana, que dois dias antes fizeram piadinhas acerca da sexualidade do patinador, Johnny Weir não se intimidou. Depois da apresentação impecável (que mesmo assim o deixou no sexto lugar, afinal o pódio era pequeno pra tantos talentos), ao receber os presentes jogados pela platéia, fez questão de aguardar suas notas assim, todo florido:

Fala sério, tem culhão ou não tem? ADOREI esse cara! Pena que viva tão longe daqui. Mas tudo bem, afinal o "irmão gêmeo univitelino" que ele nem conhece é brasileiro e, igualmente resolvidíssimo, está lá no Big Brother, mandando uma bela bananona pros hipócritas de plantão. Olha só se incrivelmente um não é mesmo o focinho do outro (Serginho à direita):


É isso aí. Se assumir não é pra qualquer fracote não, precisa ser muito macho (sentido figurado, claro). Ainda que não seja a maior demonstração de coragem que um homem pode dar, significa a presença do discernimento fundamental, que possibilita até a um filhote de anta compreender definitivamente que o cérebro não depende do pênis pra funcionar com perfeição. Por isso mesmo é que no caso de certos machões (no infeliz sentido literal), propagadores de convicções intransigentemente viris e ignorantes, se tirar o pênis não sobra nadica de nada.


Tânia Meneghelli  . Blog De tudo fica um pouco 
Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

segunda-feira, 29 de março de 2010

Treinamento antes de ter filhos


Para todos aqueles que pretendem ter filhos e, para os que já tiveram ou têm, vale pra reciclar. O treinamento é grátis. Aproveite a oferta!
Exercícios práticos onde o grau de dificuldade de cada exercício é equivalente a tratar de uma criança com 01 (um) ano de idade.

VESTINDO A ROUPINHA
Compre um polvo vivo de bom tamanho e vá colocando, sem machucar a criatura, nesta ordem: fraldas, macaquinho, blusinha, calça, sapatinhos, casaquinho e toquinha. Não é permitido amarrar nenhum dos membros.
Tempo de duração da tarefa: UMA MANHÃ.

COMENDO SOPINHA
Faça um buraquinho num melão, pendure o melão de lado no teto com um barbante comprido e balance-o vigorosamente. Agora tente enfiar a colherinha com a sopa no buraquinho. Continue até ter enfiado pelo menos a metade da sopa pelo buraquinho.
Despeje a outra metade no seu colo Não é permitido gritar. Limpe o melão, limpe o chão, limpe as paredes, limpe o teto, limpe os móveis à volta. Vá tomar um banho.
Tempo para a execução da tarefa: UMA TARDE.

PASSEANDO COM A CRIANÇA
Vá para a pracinha mais próxima. Agache-se e pegue uma bituca de cigarro. Atire fora a bituca, dizendo com firmeza: NÃO! Agache-se e pegue um palito de picolé sujo. Atire fora o palito, dizendo com firmeza: NÃO! Agache-se e pegue um papel de bala. Atire fora o papel de bala, dizendo com firmeza: NÃO! Agache-se e pegue uma barata morta, dizendo com firmeza: NÃO! Faça isso com todas as porcarias que encontrar no chão da pracinha.
Tempo para execução: O dia inteiro.

PASSANDO A NOITE COM O BEBÊ PARA ACALMÁ-LO OU FAZÊ-LO DORMIR
Pegue um saco de arroz de 5 kg e passeie pela casa com ele no colo das 20:00 às 21:00 horas.
Deite o saco de arroz. Às 22:00 pegue novamente o saco e passeie até às 02:00.
Deite o saco e você. Levante às 02:15 e vá ver a Sessão Corujão porque não consegue mais pegar no sono.
Deite às 03:00. Levante às 03:30, pegue o saco de arroz e passeie com ele até às 04:15.
Deitem-se os dois (cuidado para não usar o saco de travesseiro). Levante às 06:00 e pratique o exercício de alimentar o melão. Não é permitido chorar perto do saco.
GERAL

Repita tudo o que você disser (frases ou palavras), pelo menos cinco vezes. Repita a palavra NÃO a cada 10 minutos, fazendo o gesto com o dedinho. Gaste uma pequena parcela do seu orçamento (90%) com leite em pó, fraldas, brinquedos, roupinhas. Passe semanas a fio sem transar, sem ir ao cinema, sem beber, sem sair com os amigos e adulando o saco, sorrindo e brincando com ele no colo...

Pronto ... agora voce já está pronto para ter filhos!

Contribuição via e-mail . obrigado Bel.


Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

sexta-feira, 26 de março de 2010

Começar . Recomeçar


Para mim, o mais difícil sempre é o COMEÇAR.
É difícil começar uma idéia, elaborá-la, buscar outras idéias para que se juntem a original. Difícil também é começar a mudar de idéia. quando você já tem aquela idéia prontinha, certinha, bonitinha (com a sua cara) e de repente, se vê obrigado a pensar tudo de novo. Pensar uma idéia nova de novo, juntar com outras ... buscar seus argumentos, suas verdades ... suas defesas.
É difícil começar um curso novo. Você não sabe onde vai estacionar o carro, nem que caminho irá fazer, onde vai se sentar, quem sentará ao seu lado, quem será o professor e o que ele irá mudar em sua vida! É difícil começar a encarar um assunto novo e se deparar com toda sua ignorância. É difícil descobrir mais uma ignorância.
É difícil começar um novo relacionamento, qualquer que seja. com um novo amor, um amigo, um parente, um carro, um trabalho, um tapete, uma camiseta ou uma bota de cano alto ... se ajeitar ao novo. Conhecer seus costumes e, mais difícil, adequar a eles os seus. Difícil descobrir o lado certo e o avesso. aprender a usar sem que a etiqueta incomode ou o calo aperte. Manual de instruções é sempre um começo traumático para mim. Descobrir até onde o produto estica ou aperta, até onde ir antes de destruir tudo ... e lá se vai o novo relacionamento. 
Começar um livro novo é angustiante. As primeiras páginas são um suplício, montes de pessoas, lugares e sentimento que você precisa começar a entender ... até que a história comece realmente.
Começar a viver em uma casa nova é praticamente uma aventura. você não sabe por onde entram as correntes de vento. Quais as portas que rangem, quais as maçanetas que emperram. Onde estão os canos que, com certeza, você vai acertar na sua primeira investida com a furadeira.
Pessoas novas são sempre um problema. Onde ela esteve, que livros leu, qual sua opinião a respeito da cirurgia de mudança de sexo na Indonésia? Como começar um relacionamento com um nêmore de uma ilha afastada da Ásia. 
Começar a arrumação de um quartinho de bagunça. Você olha o quartinho da porta um milhão de vezes e ensaia ... olha, suspira e fecha a porta. Mais tarde, abre de novo a porta, de fininho para não ser percebido ... espia pela frestinha e com medo, fecha de novo a porta. até que um dia, num arroubo de coragem enfrenta de peito aberto, o perigo que pode representar um quartinho de bagunça - roupas de bebê do seu filho que já fez dez anos, chupetinhas que ele abandonou, os primeiros rabiscos em lápis colorido ... enfeites de natais passados, lembranças de nascimento, convites de casamento de casamentos que nem existem mais .... melhor fechar a porta de novo ... e começar a esquecer.
Como é difícil também começar a esquecer. Tudo lembra, seja o que for. Como é difícil a decisão de: "a partir de agora eu vou esquecer" e pronto ... aperte o delete. Tudo resolvido.
Ainda mais complicado é começar o que já foi começado (ou seria recomeçar)? 
O primeiro gole da primeira garrafa de vinho nunca é tão saboroso quanto o primeiro gole da segunda garrafa ... quando o vinho já te preparou para o sabor do vinho!



Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

quinta-feira, 25 de março de 2010

Lula lá ...


Antes da  posse:

Nosso partido cumpre o que promete.
Só os tolos podem crer que
não lutaremos contra a corrupção.
Porque, se há algo certo para nós, é que
a honestidade e a transparência são fundamentais.
para alcançar nossos ideais
Mostraremos que é grande estupidez crer que
as máfias continuarão no governo, como sempre.
Asseguramos sem dúvida que
a justiça social será o alvo de nossa ação.
Apesar disso, há idiotas que imaginam que
se possa governar com as manchas da velha política.
Quando assumirmos o poder, faremos tudo para que
se termine com os marajás e as negociatas.
Não permitiremos de nenhum modo que
nossas crianças morram de fome.
Cumpriremos nossos propósitos mesmo que
os recursos econômicos do país se esgotem.
Exerceremos o poder até que
Compreendam que
Somos a nova política.

Depois da posse:
Releia o texto de baixo para cima ...

Contribuição via e-mail . obrigado Rui

Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

quarta-feira, 24 de março de 2010

Senhor tende piedade de nós!


Senhor, tende piedade de nós!
Pelo jeitinho brejeiro da nossa juíza 
Pelo perigo constante quando Lula improvisa 
Pelas toneladas de botox da Dona Marisa 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pelo Aruuda  em Brailia e o seu cuural eleitoral.
Pela casa de praia do Sérgio Cabral 
Pelo dia em que Lula usará o plural 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela jogada milionária do Lulinha com a Telemar 
Pelo espírito pacato e conciliador do Alencar 
Pelo dia em que finalmente Dona Marisa vai falar 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela "queima de arquivo" do Toninho (de Campinas) e Celso Daniel 
Pela compra do dossiê no quarto de hotel 
Pelos "hermanos compañeros" Evo, Chaves e Fidel 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela volta triunfal do "caçador de marajás" 
Pelo Duda Mendonça e os paraísos fiscais 
Pelo Galvão Bueno que ninguém agüenta mais 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela máfia do  panetone do Arruda
Pelas meias de dinheiro dessa turma.
Pelo Lula na praia com sua sunga 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pelos "meninos aloprados" envolvidos na lambança 
Pelo plenário do Congresso que virou pista de dança 
Pelo compadre Okamotto que empresta sem cobrança 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela família Maluf e suas contas secretas 
Pelo dólar na cueca e pela máfia da Loteca 
Pela mãe do presidente que nasceu analfabeta 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela invejável "cultura" da Adriane Galisteu 
Pelo "picolé de xuxu" que esquentou e derreteu 
Pela infinita bondade do comandante Zé Dirceu 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela eterna desculpa da "herança maldita" 
Pelo "chefe" abusar da birita 
Pelo novo penteado da companheira Dilmita
Senhor, tende piedade de nós! 
Pela refinaria brasileira que hoje é boliviana 
Pelo "compañero" Evo Morales que nos deu uma banana 
Pela mulher do presidente que virou italiana 
Senhor, tende piedade de nós! 
Pelo Ali Babá e sua quadrilha 
Pelo Gushiken e sua cartilha 
Pelo Zé Sarney e sua filha 
Senhor, tende piedade de nós! 
Para que possamos ter muita paciência 
Para que o povo perca a inocência 
E proteste contra essa indecência 
Senhor, dai-nos a paz! 
Autor desconhecido

Contribuição via e-mail . obrigado Gui

Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

terça-feira, 23 de março de 2010

Extra! Extra! Extra!

Este Blog abre espaço para este sensacional furo de reportagem. 
O Tabloide A FOLHA DA VACA acaba de publicar em edição extraordinária.

clik na imagem para melhor visualizar

Este fato [mais bizarro impossível] ganhou espaço de destaque em uma maiores e melhores mídias do mundo - G1 . Confira aqui.

contribuição do amigo Guará do Blog Afogando o Ganso

Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

A Verdade dos Fatos


Não sou e nunca fui adepto a intrigas ou a falsidades. Como um ser de boa índole, criado nos moldes da Tradicional Família Mineira [TFP], temente a Deus, devoto de Maria Santíssima e amante da verdade, nada mais fiz senão ser fiel aos fatos. Não precisei de nenhum paparazzi para documentar nada. Eu, quando de minhas merecidas férias em Sampa na semana passada, fui ao “Templo das Ditosas Filhas de Maria” desfiar o meu rosário aos pés da Virgem. Quando de lá saí, acompanhado de irmãos e irmãs de fé, deparei com aquela cena indecente e grotesca, em plena via pública, que chocou a todos nós. Uma Vaca vadia sendo copulada por um Touro, sem o menor escrúpulo, numa postura dantesca típica de dois animais obscenos qualquer. Em princípio não reconheci os artífices desta verdadeira orgia pública, que me fez lembrar uma passagem da Sagrada Escritura que discorre sobre os descaminhos de Sodoma e Gomorra. Tirei minha câmera fotográfica da mochila para registrar o fato e apresentar denúncia ao Ministério Público contra aquela cena libidinosa que se configurava como um grave atentado ao pudor. Fotografei. Aí veio a minha surpresa. Tanto a Vaca depravada qto o Touro se assustaram de tal forma com o flagrante, que começaram a gritar em bom Gauchês. Barbaridade Tchê, o que é isto? Bah! Fomos flagrados. Como vamos poder explicar isto lá nos Pampas e aos amigos blogayros amigos da Vaca? Fiquei estarrecido, pois de imediato reconheci quem era a Vaca despudorada. A Vaca e o Touro, enfurecidos, se arremeteram contra mim e meus irmãos e irmãs de fé, na vã tentativa de agressão e de tomar de minhas mãos a câmera que flagrara aquele ato libidinoso em plena praça pública. Para sorte nossa, acho que pelas bênçãos do bom Deus, no exato momento em que sofríamos a ameaçadora perseguição, uma viatura da Polícia Militar passa pelo local e nos acode. Os Agentes da Lei ao verem um grupo de rapazes e moças da mais alta estirpe, ainda portando nas mãos o Terço da Virgem, sendo perseguidos por um Touro e uma Vaca seminus [na confusão nem se deram conta da necessidade de se recomporem], nos cercaram e procuraram saber o que acontecia. Narrei a eles todo o escândalo e a tentativa de agressão que aqueles seres marginais tentavam nos imputar por medo de serem denunciados. Para comprovar a verdade dos fatos mostrei aos policiais a foto tirada. Ficaram escandalizados e de pronto deram voz de prisão aos meliantes. Convidaram-nos para comparecer à 5ª DP, logo ali na Rua da Consolação , para registrar a ocorrência. Assim o fizemos. Por força da Lei, foi concedido aos despudorados o direito de contatar com seu advogado o que fizeram prontamente. Em pouco tempo lá estava um tal Dr. Crecy Alisando, um advogado bem do tipo porta de cadeia, trajando um paletó maior que ele, camisa aberta ao peito, o que permitiu denotar toda a sua familiaridade e intimidade com a D. Vaca, já que, percebia-se ser ele dotado de grandes tetas, fenótipo típico da família CowUcha. Após a realização de exame de corpo delito na D. Vaca, por Médicos do Hospital das Clínicas do Estado de São Paulo, que constatou não só a não virgindade da dita donzela, bem como, a presença de líquido seminal bovino em seu canal vaginal ainda em estado fresco, o que, de forma categórica, comprovava toda a verdade dos fatos presenciados e por mim denunciados, foi feita a ocorrência, que subsidiará a instauração do devido Inquérito Policial e, mediante o pagamento de fiança, os acusados foram liberados. Tendo em vista os desdobramentos dos fatos, passei a investigar também os antecedentes do tal Dr. H. Romeu Pinto, tido como Médico Ginecologista, e claro, ele também é uma fraude montada para tentar enganar os incautos. Na verdade, o nome verdadeiro deste cidadão é Décio Pinto, falsário denunciado pelo CRM do Estado do Rio Grande do Sul, e que, já responde a vários inquéritos policiais naquele estado, por falsidade ideológica e exercício irregular da profissão de médico. Outro fato investigado foi a seriedade do Jornal Folha da Vaca. Segundo a Folha On Line, este jornal é um tablóide de propriedade da família CowUcha, especializado em acobertar as atitudes sórdidas de seus membros, bem como, denegrir e ultrajar a imagem de quem ouse enfrentá-los. Para comprovar tudo isto, estou apresentado aqui cópia do BO lavrado pela PM do Estado de São Paulo na instância da 5ª DP, cópia do Relatório do Exame de Corpo Delito de D. Vaca - emitido pelo HC de SP, Atestado sobre o farsante Décio Pinto – emitido pelo CRMRS, bem como, Cópia da Página da Folha On Line com as referências sobre o Jornal A Folha da Vaca.

Clik na imagem para melhor visualizar

Clik na imagem para melhor visualizar

Clik na imagem para melhor visualizar

Clik na imagem para melhor visualizar

Bem, os fatos estão aí. Esta é a única e inequívoca verdade. Nada mais a declarar. Agora é aguardar o desenrolar do inquérito policial instaurado e posteriormente o devido processo criminal. A verdade nunca falta, ainda mais em nosso país, onde temos uma Justiça séria em seu propósito de fazer cumprir a Lei - doa a quem doer.


Em Tempo: Abaixo, documento de desagravo de Sua Santidade o Papa, em favor deste seu humilde servo. Emocionado manifesto minha gratidão ao Sumo Pontífice.



clik na imagem para melhor visualizar

Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

segunda-feira, 22 de março de 2010

A Vaca é Virgem! Quem acredita?


Ultimamente a queridíssima, a sensualíssima e gostosíssima Vaca Jersey vem afirmando e reafirmando sua condição de DONZELA. Confiram:

Vaca Jersey disse...
Eu não uso ainda! A Vaca ainda é virgem, claro! Tá se guardando!!! Hahahahaha!!!!! Ótimo isso!!! Adoro esse momento responsabilidade social que este blog imprime... ainda chego lá!!!!!Vaca loura?!? Será? Não tinha pensado niss ainda!!!! Welcome back, muso-master!!!!! Hugzão!
Vaca Jersey disse...
Mãe é mãe. E ponto.
Hehehehe!!!!!

Muito divertido e enriquecedor... como de costume!!!!

Hugzón, dear!!!!! Ótimo fds!!!!

Virgem, sim... ora tetas!!! Hahahaha!!!!!!

O Braccini, homem de larga experiência com o gênero bovino, fruto de sua formação acadêmica em Medicina Veterinária, bem como, por sua percepção aguçada para as questões ligadas à virgindade das Vacas, descarregou toda a sua energia e tempo disponível para averiguar a veracidade de tais afirmações proferidas com tamanha convicção. Sem qualquer surpresa, o Braccini descobriu que D. Vaca, de há muito, já não pode mais proclamar-se uma MENINA MOÇA. Aos queridos amigos, para que não comprem "vaca por lebre", anexo aos autos do processo as provas irrefutáveis de que, D. VACA continua queridíssima, sensualíssima, gostosíssima mas, virgem ela NÃO é!
Confiram:
Local: Avenida Paulista
Horário: 02:53 hs
Ele: Um premiado Touro da raça Jerssey, forte, musculoso, bela pelagem, bem dotado, com um quadro de performances reprodutoras de primeira linha.
Ela: Uma Vaca simpática mas ardilosa, dotada de boas formas, pernas torneadas, boas tetas, pelagem vistosa, mas ainda uma incógnita quanto à sua capacidade de boa parideira.
Ele: uff . uuummm. uff. uuummm .uff .muuuuuuuuuuuuuuu
Ela: ai . ai . vem . vem meu Tourão . mais . mais . ai . ai . moaaaaaaaaaaaaaaaa

Paulo Braccini
enfim, é o que tem pra hoje...

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin